Voltar ao Topo

#MinhaEscolhaFazADiferença é tema do Movimento Maio Amarelo 2017

  • De 05/05/2017
  • às 11:41
  • por Da Redacao

Movimento Maio Amarelo 2017 conscientiza a sociedade sobre a importância da direção segura

“Minha Escolha Faz a Diferença”: com esse tema, o OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária lança o Movimento Maio Amarelo 2017, mobilização voltada para a conscientização da sociedade sobre a importância da direção segura e para ilustrar ações concretas que contribuam para mudar o cenário dos acidentes de trânsito no Brasil, onde mais de 43 mil pessoas por ano perdem a vida, e no mundo.

A ação é um estímulo para que condutores de qualquer tipo de veículo, inclusive pedestres, optem pela conduta apropriada (Arte: divulgação)
A ação é um estímulo para que condutores de qualquer tipo de veículo, inclusive pedestres, optem pela conduta apropriada (Arte: divulgação)

O tema

Em janeiro de 2017, o tema “MINHA ESCOLHA FAZ A DIFERENÇA” foi definido pelo CONTRAN (Conselho Nacional de Trânsito), na Resolução 654, para estampar todas as campanhas educativas de trânsito no país ao longo do ano, inclusive o Maio Amarelo. A iniciativa do OBSERVATÓRIO para o Movimento Maio Amarelo deste ano é um alerta para que todos escolham as melhores posturas no trânsito.

A ação é um estímulo para que condutores de qualquer tipo de veículo (caminhões, ônibus, vans, automóveis, motocicletas e bicicletas), inclusive pedestres, optem pela conduta apropriada. O tema tem o objetivo de ressaltar que os acidentes são resultado de escolhas erradas que fazemos.

Importância da conscientização

Diretor-presidente do OBSERVATÓRIO, José Aurelio Ramalho, destaca a importância da conscientização de que acidentes de trânsito não decorrem do acaso e sim das escolhas que milhares de condutores de veículos fazem a cada momento.

Baseado em indicadores dando conta que 90% dos acidentes têm como motivação as falhas humanas como imperícia, imprudência, desatenção, ressalta que a conscientização de que somos os responsáveis pelos nossos atos também no trânsito, contida na frase tema do Maio Amarelo, é um dos caminhos para a reversão do triste cenário não só do Brasil, mas de todo o mundo.

Além do quadro de mortos, feridos graves e de pessoas que passam a adquirir sequelas permanentes, os acidentes de trânsito no Brasil, lembra Ramalho, representam um custo anual de R$ 56 bilhões, que poderiam ser revertidos em investimentos para as áreas sociais.

Compartilhe
  • De 05/05/2017
  • às 11:41
  • por Da Redacao